Foto:Por Santiago Oliver | Imagens: Divulgação em 24 de Junho de 2019 às 16:00
25/06/2019 11:22
Helicóptero suíço voa para Sicília para completar voos de ensaio
Terceiro protótipo do SH09 da Kopter aproveita clima quente e úmido do sul da Itália para validar dados

A suíça Kopter transferiu para Pozzallo, na região da Sicília, a equipe de 20 engenheiros de teste de voo, pilotos e mecânicos do terceiro protótipo (P3) do SH09. O objetivo é estrutura na cidade italiano uma base adicional de ensaios de voo.

De acordo com o fabricante, Pozzallo fornece as condições operacionais perfeitas para conduzir a campanha de teste de voo intensivo SH09 necessária para a certificação. A cidade oferece poucas restrições e condições climáticas favoráveis durante todo o ano, dando a oportunidade de experimentar um clima exigente com elevadas temperaturas, alta umidade, ventos fortes e uma atmosfera salgada.

LEIA TAMBÉM

Desde a sua chegada e durante um período de dois meses, a tripulação do teste de voo realizou 34 voos com o terceiro protótipo, permitindo que a aeronave alcançasse cerca de 100 horas de teste de voo. O principal resultado foi abertura do envelope de voo do SH09 até 10.000 pés (3.000 m) de altitude, até uma velocidade de 135 nós. Durante todos os voos, o terceiro protótipo teve o desempenho esperado e gerou um grande volume de dados que estão sendo usados para finalizar o projeto da produção em série do modelo.

A próxima fase da campanha de testes de voo, incluirá a implementação de alguns refinamentos aerodinâmicos, que devem melhorar as qualidades de manuseio do P3, e o retrofit da caixa de engrenagens principal. A expectativa é que as alterações permitam voar mais alto e mais rápido. A próxima etapa permitirá aos engenheiros coletarem os dados restantes necessários para finalizar a configuração das aeronaves de pré-série (PS4 e PS5), o que contribuirá para os voos de certificação no próximo ano.

Segundo a Kopter, a previsão é certificar o SH09 na EASA em 2020, com as primeiras entregas correndo em seguida.

Texto/Fonte: Boletim Semanal AERO Magazine