Foto:Por Edmundo Ubiratan | Imagens: Divulgação em 24 de Junho de 2019 às 16:00
25/06/2019 11:09
Primeiro avião comercial japonês pode ter obtido contrato com empresa dos Estados Unidos
Acordo de intenção de compras com a Mitsubishi foi formalizado em Paris com empresa não revelada

Após mudar o nome do projeto e rever faixa de mercado, a Mitsibishi assinou com uma empresa de aviação regional dos Estados Unidos um Memorando de Intenções (MoU) para o para o SpaceJet M100. O acordo formalizado na última semana, durante o Paris Air Show, prevê que as primeiras entregas sejam iniciadas em 2024.

Embora o cliente não tenha sido revelado, a Mitsubishi acredita que a versão de até 74 assentos do programa MRJ possa substituir a frota de aeronaves regionais em uso nos Estados Unidos. A maioria da frota, composta majoritariamente por modelos CRJ da Bombardier e ERJ-135 e E170 da Embraer, deverão se aproximar dos vinte anos quando o M100 receber a certificação. Todavia, o avião japonês terá como rivais os Airbus A220-100 e E175-E2 da Boeing Brasil.

LEIA TAMBÉM

O primeiro modelo, o MRJ90 de maior capacidade, está em fase avançada da campanha de ensaios em voo. A expectativa é que a aeronave seja certificada em meados de 2020.

Texto/Fonte: Boletim Semanal AERO Magazine